SEJAM BEM VINDOS

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Ausência de posts

Júnior Afonso tem me reclamado ultimamente a ausência de posts sobre as notícias de nossa terrinha. Acontece, que aqui, como em outras cidades pequenas e interioranas, passam por marasmos e quietudes, que não há muito o que falar. Estamos encerrando o ano e todas as atenções se voltam para os festejos e preparações de confraternização entre famílias e amigos.

Há algo que pretendia relatar neste espaço, que achei deveras relevante, todavia, o tempo é imperdoável, passa de forma ingrata e cruel e muitas vezes nos priva de fazermos aquilo que desejamos. Apesar de já passado, gostaria de registrar a presença a de Irmã Délcia em nosso município.

No início do mês de dezembro, encontramos (eu e Júnior Afonso) com a irmã Délcia e fiquei maravilhada com as declarações que ela fizera a Júnior sobre o seu trabalho na África. Fico pasma de saber como ainda existem pessoas que amam incondicionalmente e que dedicam sua vida em função de servir e ajudar os outros. O amor pregado por Paulo, que tudo suporta. Para ter uma idéia do que estou falando, a irmã Délcia declarou a Júnior que contraíra Malária inúmeras vezes e que Deus a livrou de todas e ela persistiu no seu propósito. Sinceramente, isso é raro, muito raro, raríssimo. Imagine-se saindo do conforto do seu lar e indo a terras longínquas para pregar o amor e demonstrá-lo ao mesmo tempo.

No demais, peço desculpas aos meus webleitores, principalmente os que moram fora, que anseiam qualquer coisa, qualquer notícia que os una ao nosso chão. Hoje, o irmão e amigo Paulo César, PC como é mais conhecido, me falou que as pessoas que estão distantes de nós, desejam de ver imagens de nossa terra. Assim, a partir de hoje, vou buscar imagens de alguns pontos de nosso município para aqui divulgar no Ad Finem. Espero que Júnior Afonso me ajude nisso (risos).

Amanhã, voltarei com mais posts. Agora me ausentarei daqui para participar de um culto de gratidão na casa de minha cunhada Amanda.

Desejo de coração, a todos os ad finenses, muita paz, amor, saúde, fé. Que possamos concluir este ano bem felizes ao lado dos nossos.

Recomeçar sempre

Voltando ao AD Finem, depois de dias afastada, não pelos afazares normais mas pela correria e festividades que o final de ano nos proporciona, estou de volta ao batente, com toda força iniciando o post de hoje com uma poesia belíssima e encantadora.

A poesia que vos trago agora, quero dedicar de forma especial a uma pessoa híper querida e muito inteligente, meu mais novo leitor, Lenilson Marques. Como ele me revelou ser admirador do gênero, dedico-lhe esta para o seu deleite e enlevo inteletual. Aproveitando o ensejo, quero desejar a Lenilson, a sua mãe, Maria Antonia, e toda sua família, muita paz, amor e fé, estes atributos são suficientes para vencermos todos os desafios que surgem em nossa vida.

Ainda fazendo uso da oportunidade, agradeço a Leonardo (irmão de Lenilson) e Janice sua esposa, pela assiduidade neste espaço. Para mim é um prazer tê-los como meus leitores. Lembro com saudade do tempo em que vocês eram meus alunos na Escola Bíblica de Jovens, na Assembléia de Deus. Léo, com certeza, o aluno mais curioso que eu já tive. Era o tipo do aluno que instingava a curiosidade dos outros e fazia o professor estudar mais (risos). Eram ótimos alunos vocês.

Recomeça sempre

Recomeça...
Se puderes,
Sem angústia e sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
do futuro
dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
não descanses
De nenhum fruto queiras só metade.

E nunca saciado
vai colhendo
ilusões sucessivas no pomar.
Sempre a sonhar
e vendo acordado
o logro da aventura.

És homem, não te esqueças!
Só é tua a loucura
onde, com lucidez, te reconheças!


Miguel Torga

Fonte: http://devaneiosaovento.blogspot.com

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

Kramer versus kramer

Ontem, por ocasião da noite de natal, nos reunimos na casa de nossa amiga Abilene. Juntamos alguns amigo da igreja e nos preparamos para nos confraternizar. Para esta noite, entre outras atividades, brincamos de Amigo Secreto. Para minha surpresa, tirei meu filho Jarson e resolvi dar-lhe algo que há dias ele me pedia eu ainda não havia comprado. Entretanto, ontem a tarde, eu, Amanda, João e Júnior comprando os presentes para brincadeira, estávamos nas Lojas Americanas e Jarson estava presente.

Ele, fanático por filme como ninguém, veio até a mim com um filme e eu disse que não iria comprá-lo, se deixar ele compra todos (risos).Bem, resolvi então dá-lo de presente de amigo secreto, juntamente com outro. O filme que ele desejou era Kramer versus Kramer. Hoje, aproveitando a tarde de feriado assistimos ao filme. Acho que nunca chorei tanto assistindo a uma obra cinematográfica como o fiz com este. No decorrer do filme, inúmeras cenas fizeram-me chorar literalmente. É uma película digna de ser vista.


Retrata uma história comum, de relacionamentos conteporâneos que envolvem valores e escolhas. O filme começa com Ted Kramer chegando feliz do seu trabalho, depois de saber de sua promoção e neste momento é confrontado por sua esposa, que estava saindo de casa, deixando ele e seu filho de seis anos. A esposa anuncia sua partida e diz que não o ama mais. Ele tenta impedi-la, mas nada consegue detê-la.

Ted se sente e arrasado e ver a necessidade de mudar sua vida por completo. Além do trabalho, teria agora que cuidar de seu filho. Sua rotina foi mudada e ele passou a conviver mais com seu filho e ser mais presente. Depois de quase dois anos, tempo suficiente para ele adaptar-se a nova vida e perceber o quanto era bom e gratificante participar ativamente da vida de seu filho, coisa que outrora achava que não tinha tempo de fazer, Joanna, sua ex-esposa, volta e agora quer a guarda do filho, travando-se assim uma batalha judicial.

Durante o filme ficava refletindo como deixamos de viver situações na nossa vida porque julgamos que não temos tempo, porque o trabalho não pode esperar, porque isso ou aquilo é importante e não pode ser deixado naquele momento. O fato é que as circunstâncias da vida sempre mostram que não somos insubstituíveis e que tudo passa e permanece com, ou sem a gente.

Uma das cenas mais emocionantes foi quando o garoto, depois de ter desobedecido o seu pai, perguntou-lhe, se ele também iria embora, uma vez que sua sua mãe, havia ido devido sua desobediência. Não só a pergunta do garoto levou-me as lágrimas, como a resposta do pai.

Gente, sem dúvida, um dos filmes mais enocionantes que já vi. Embora comum, bem comum, muito emocionante. Recomendo mais que todos os outros. Vejam, tenho certeza que também se emcionarão.


FELIZ NATAL

Esses últimos três dias, devido a falta de tempo, fui impossibilitada de aqui está. Unindo-se aos afazeres diários, as festividades de final de ano, tiraram meu pouquinho de tempo livre, é claro que para confraternizar-mos com a família e os amigos.

No entanto, senti a necessidade de vir ao ad finem neste momento, para desejar aos meus webleitores, um natal repleto de alegria, que possamos neste dia relembrar o real significado do nascimento de Cristo. Que possamos não só trocar presentes ou mesmo nos alegrar na presença dos nossos queridos, mas também que possamos ser gratos a Deus, por ter dispensado o seu Filho para vir a este mundo, nascer e morrer por nós.

FELIZ NATAL E 2010 REPLETO DE BÊNÇÃOS...

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Uma bela história de compreensão, ternura e redenção

Embora não tenha vindo aqui com o objetivo de postar, nem de tão pouco abrir o Ad Finem, estava tão somente concluindo um trabalho que tinha de levar para reunião das Senhoras da Assembléia de Deus, que ocorrerá daqui a pouco na casa de Denise, minha irmã, não resisti a tentação de publicar uma notícia que achei híper relevante para todos nós. Apesar de a data da notícia está bem atrasada, ela é atemporal e merece ser lida.

O texto fala sobre a compreensão, qualidade quase que em extinção em nossos dias. Assim recomendo a leitura:

Um ladrão chinês devolveu um celular e milhares de iuans que havia roubado de uma mulher depois que ela enviou ao aparelho 21 mensagens de texto comoventes. A informação é da agência de notícias estatal chinesa Xinhua.

Pan Aiying, uma professora da província de Shandong, no leste da China, teve sua bolsa com celular, cartões de banco e 4.900 iuans (US$ 630), roubada por um motociclista quando ia de bicicleta para casa.

Ela pensou, em primeiro lugar, em chamar a polícia, mas decidiu tentar convencer o jovem ladrão a devolver a bolsa. Pan ligou para o celular roubado com um telefone de um amigo, mas o aparelho não foi atendido. Então ela começou a mandar mensagens de texto. "Eu sou Pan Aiying, professora da Wutou Middle School. Você deve estar passando por um momento difícil. Se esse é o caso, eu não vou te culpar", escreveu em sua primeira mensagem, que não foi respondida.

"Fique com os 4.900 iuans se você realmente precisa deles, mas, por favor, devolva minhas outras coisas. Você é jovem ainda. Errar é humano. Corrigir seus erros é mais importante que qualquer coisa", escreveu a professora. Ela acabou perdendo esperança de ver seus pertences devolvidos depois de enviar a 21ª mensagem sem receber resposta.

Mas no domingo ela acabou encontrando em seu quintal um pacote contendo a bolsa roubada com todos os seus pertences. "Querida Pan: Eu sinto muito. Cometi um erro. Por favor me perdoe", dizia uma mensagem deixada junto com o pacote. "Você é tão compreensiva, mesmo apesar de eu ter roubado você. Eu vou corrigir meus atos e serei uma pessoa correta", afirmou a pessoa que deixou o pacote no quintal da professora.

Cômico

Diante dos inúmeros afazeres de hoje e para não ficar sem aqui postar, quero aproveitar um texto bem pequeno, cômico e bastante criativo que minha amiga Anninha me enviou por email.

VEJAM O TEXTO, ele serve para que atentemos melhor do que, com quem e a forma como falamos. Para mim serviu de lição, espero que sirva pra vocês também, (risos). É apenas um texto que mostra a falha n comunicação.

AMÁ-LA ou AMAR-TE?

Amar é......
O marido, ao chegar em casa, no final da noite, diz à mulher que já estava deitada :
- Querida, eu quero amá-la.
A mulher, que estava dormindo, com a voz embolada, responde:
- A mala... ah não sei onde está, não! Use a mochila que está no maleiro do quarto de visitas.
- Não é isso querida, hoje vou amar-te.
- Por mim, você pode ir até Júpiter, até Saturno e até à puta que o pariu, desde que me deixe dormir em paz...

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Na luta pela água em Dix-sept

Depois de dias acompanhando a celeuma no The Place, decorrente da falta d'água em nossa cidade, pensei de pronto aliar-me na luta em prol de uma solução urgente e prática, todavia o tempo ainda não havia me permitido. Mas, como tudo tem o seu tempo determinado, hoje venho aqui, corroborar com as palavras do amigo Júnior Wilton, palavras estas, que mostram sua indignação, mediante a situação caótica em que se encontra algumas ruas de nossa cidade, porque não dizer a maioria delas.

De certo que o ocorre no Conjunto Fausto Martins, em específico, é uma total falta de respeito para com os moradores dali, há meses, que na casa de minha mãe, que ali reside, não sobe uma gota sequer de água na caixa. Ela é tão revoltada com a situação, (risos), que seria impossível eu transcrever em palavras o que ela sente.

Bem o fato é que algo necessita ser feito, e, com urgência. Eu estava esperando um pouquinho de tempo, para poder pesquisar melhor e ver a possibilidade de se utilizar a responsabilidade civil prevista no artigo 14 do Código de Defesa do Consumidor, contra a caern. Conversando agora com o amigo João Paulo Meneses, e debatendo sobre o assunto, chegamos a conclusão de que isso é perfeitamente possível e que neste caso em específico, a população pode e deve buscar seus direitos.

Na discussão, João Paulo entendeu que é possível se buscar o MP - Ministério Público - para uma intervenção no caso. É bom ressaltar, que não haveria necessidade de se provocar o MP neste caso, considerando que defender interesses coletivos é uma das competências deste órgão, principalmente, nessa situação descrita, que atinge as necessidades básicas do ser humano. Todavia, diante do que está ocorrendo, precisamos nos valer e nos ater a um brocardo tão conhecido no mundo jurídico: "O direito não socorre aos que dormem". Em outras palavras, precisamos provocar a justiça para que ela ocorra.

Diante da discussão, JP concluiu que seria o caso do MP ingressar com uma tutela coletiva, uma vez as ações individuais iriam carecer de comprovação do efetivo prejuízo. Mas depois meditando no caso, percebi que não seria tão difícil assim provar prejuízo e pessoas que se sentissem lesadas, procurassem seu direito de forma individual. Sem me conformar com a situação, continuei minha pesquisa e descobri que em setembro deste ano, a caern indenizou um condomínio em Natal, por falha no serviço, com base exatamente, no aludido artigo do CDC.

Desta feita, quero registrar de público o apoio do Ad Finem na luta pela água em Dix-sept, insto aos meus caros conterrâneos a criarem uma comissão para falarem com o Ministério Público para exigirem providências em relação ao fato. O que pode ser feito de burocrático e há médio e longo prazo já foi feito. O The Place já publicou nota da prefeita sobre o caso e suas providências referente ao mesmo, notas de jornais discutindo e debatendo a seriedade do problema, todavia, necessário se faz que haja medidas com resultados a curto prazo e vejo que a situação necessita da intervenção do Poder Judiciário e assim, conseqüentemente da atuação do MP.


E MAIS

Por falar em The Place, aproveito a oportunidade para cumprimentar Júnior Wilton, pelo êxito obtido na seleção de dois mestrados que se submetera ultimamente, um na UFPB e outro na UFRN. Como o Ad Finem também tem o cunho de noticiar e veicular o sucesso de nossos amigos e conterrâneos, não poderíamos deixar de aqui registrar o fato. Ficamos felizes em ver os dix-septienses levando o nome de nossa cidade pra fora, mostrando que não são as dificuldades e nem muito menos as limitações de uma cidade interiorana e sem muitas expectativas que impedem o seu povo de crescer.

Júnior Wilton é Administrador da UFERSA, filho de Antonio Wilton e Ivanilde Carlos, irmão de Amanda, Alisson, Wilton e Ciro. Esposo de Naiana e pai de Bianca e Arthur.

Em nome de minha família parabenizo Júnior e também toda sua família, desejando felicidades e muito sucesso na próxima luta.


Vestibular da UERN

Depois dois dias totalmente ausente da internet e consequentemente do Ad Finem, muitas coisas aconteceram no Brasil e no mundo. Aqui em nós, o fato marcante e surpreso desses dois dias passados, foi cancelamento do vestibular da UERN, que aconteceu neste domingo. Certamente, um fato nunca visto antes, naquela instituição.

Segundo o que veiculou o blog de Paulo Martins, http://paulomartinsblog.zip.net/, as provas do vestibular da UERN deverão ser realizadas no mês de fevereiro do próximo ano, o que pode acarretar atraso no início do semestre letivo, que estava previsto para março.

A nota oficial de cancelamento da Agência de Comunicação da UERN - AGECOM, tranquiliza os candidatos e seus familiares, informando que tomarão as devidas providências para que as provas ocorram sem muitos prejuízos. Para ver a nota clique no link: http://www.uern.br/administracao/agecom.asp?menu=noticia&notid=2177

Quaisquer novas informações a respeito do assunto traremos aqui a posteriori...

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Carta ao Papai Noel

Olhando agora há pouco o blog abelhudonews, do companheiro de curso João Paulo Barra, vi uma carta muito interessante que ele copiou, de um outro blog e não pude fugir à tentação de aqui postar e dividir com vocês. É um texto deveras criativo, apesar de ter o 'autor' que tem, (risos), que não é nenhum Arnaldo Jabor ou Caetano Velosos, todavia, devo reconhecer sua inteligência nesse momento. Vejam a carta, vale a pena ser lida

Preto e branco

Hoje temos a festa do PRETO e BRANCO. Os alunos do 9º ano A e B da Escola Municipal Educandário Dix-septiense organizaram uma festa de despedida, intitulada festa do preto e branco.

Todos nós convidados, que prestigiaremos o evento devemos ir vestidos de branco e preto, essa é a regra, a senha.

Os alunos se confraternizarão entre si, professores e demais funcionários da escola. A festa acontecerá na noite deste dia, a partir das 20:00h.
Estaremos lá....

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Lenilson e a grande misericórdia de Deus

Acabei de participar de um grande culto a Deus em gratidão pela vida de Lenilson Marques. Lenilson - foto abaixo - é um dix-septiense que muita orgulha o povo de nossa cidade. Ele é tenor, teólogo e missionário e tem dedicado sua vida para servir a Deus e ajudar as pessoas. Há cerca de dois meses, sofreu um acidente vascular cerebral e se encontrou em uma situação preocupante, todavia, recupera-se surpreendentemente e louva a Deus por isso.

Há muito não participava de um culto com a presença tão marcante e permanente de Deus em nosso meio. Um verdadeiro mistério envolveu aquele lugar e Deus registrou marcantemente sua ação ali.
Lenilson falou sabiamente a todos, nos dando um exemplo de vida e de força invejável. Com muita sabedoria citou Jó, como referência de força, perseverança e acima de tudo de fé.

Lenilson ainda falou em Lamentações, citando 3-21 e 22
"Quero trazer à memória o que me pode dar esperança.
As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim; renovam-se cada manhã. Grande é a tua fidelidade".

Enquanto Lenilson falava, com uma unção peculiar, sentíamos Deus presente em suas palavras. Fiquei pensando como 'Deus usa as coisas que são para confundir as que não são'.

Trazendo a memória o que nos diz Salomão em Lamentações, num período nebuloso de morte e destruição em Jerusalém, onde o rei babilônico, Nabucodonosor, por volta de 586 a.C, levou cativo os judeus, fiquei meditando sobre quantas lembranças guardamos em nossa vida. Umas boas, outras ruins, que queríamos mesmo era esquecer. Lembranças essas que de certa forma, influencia e reflete em nossas ações, decisões e maneira de lidar com as situações do dia-a-dia.

Será fácil trazer a memória o que pode nos dá esperança?????? Será fácil, em meio as tormentas da vida, os óbices que se sobrepoem e os gigantes que se levantam, relembrarmos a razão de nossa fé???? Certamente não o é. E é exatamente por esse fato, por recordarmos muito mais o que nos traz sofrimento, em detrimento daquilo que nos dá esperança, por nos apegar muito mais as coisas materiais, desprezando as espirituais, que muitos de nós, 'cristãos', estamos indo a igreja, sem sabermos o real motivo de ali estarmos. As mensagens de Deus, valores, estão perdendo espaço para rituais, emocionalismo e até barganhas.

Não sei porque cheguei até aqui, talvez nem eu mesma entenda o real sentido do que estou dizendo, mas o certo é que há muito, muito mesmo, não refletia de forma tão profunda sobre Deus, nosso posicionamento diante Dele, Sua vinda, Sua palavra, Seus valores, Sua volta.

Deus é Único, é Real, é Majestoso.

Para o povo de Israel, no período supracitado, somente morte, destruição, doença, circundava-os, apenas acontecimentos que que minavam a esperança deles. Foi no calor desse sofrimento que o sábio Salomão convocou o pos israelitas à trazer a memória as coisas boas, os milagres que Deus já havia operado no meio deles. Algo que lhes concedesse força para acreditar e esperar por mudanças.

O mesmo ocorre em nossas vidas, uma pessoa sem esperança, sem sentido, sem expectativa, já está vencido. É preciso que creiamos e acreditemos que tudo passa, inclusive as lutas. Que as misericórdias do Senhor se renovam a cada dia e elas são a ÚNICA, ÚNICA causa de não sermos consumidos.

Dix-septienses distantes

Hoje quero dedicar uma homenagem aos meus webleitores dix-septienses que se encontram distante de nossa terrinha. Tenho uma imensa felicidade de levar um pouco de nós, de nosso cotidiano, de nossos costumes aos conterrâneos que tiveram de se ausentar de nosso município.

Dentre os dix-septienses que moram em outras cidades do Rio Grande do Norte e em outros estados, quero registrar minha gratidão a alguns ad finenses de plantão, que já tomei conhecimento.

Agradeço ao amigo Francisco Jacinto, Silvaneide, que mora em Tocantins, Cristiane, irmã em Cristo que mora em Natal, Francisco, que mora em São Paulo, irmã Cabocla e sua filha, que moram em Goiania, e a Daugeni Carlos do Vale, irmã de Iolete Carlos, que declarou a Júnior ser minha leitora assídua.

Um grande abraço a todos vocês. Findo dizendo da imensa alegria em tê-los como leitores desse espaço.

DESPERCEBIDO

E para começar o dia agradecendo a Deus por mais um dia de vida, de saúde, de paz e comunhão, deixamos aqui para nossos webleitores, dando início a outros posts que virão, uma linda poesia do dix-septiense, Itamir Vieira, que nos serve de embevecimento e inspiração para a nossa jornada.

É do conhecimento de todos que sou fascinada por poesia, isso não é mais novidade pra ninguém. Há anos que gosto de textos poéticos, todavia, depois de um projeto de ensino que empreendi na Escola João carlos de Oliveira, há algum tempo, percebi ainda mais o quanto esse tipo de produção textual desperta a sensibilidade das pessoas, inclusive das crianças.

Assim, não posso me furtar de sempre trazer aqui algumas poesias, pois para mim esse um tipo de leitura imprescindível para todos nós. Os que não gosta, analisem com carinho a essência contida em cada verso e tentem interpretar o que está nas entre linhas de cada estrofe e verão que cada palavra, cada letra, cada símbolo na escrita, merece e deve ser lido.

Com vocês, DESPERCEBIDO, de Itamir Vieira, acadêmico do Curso de Administração na UERN:
Despercebido

Nenhum olhar

se ergue

no centro da noite cálida

para escoltar teus

pensamentos

imprecisos, delicados.

Nenhum olhar cruza

tua existência

ignóbil.

Nenhum olhar

[ r e f l e t e ]

o clarão da lua cega

que foge ao ar,

nem as intempéries do tempo...

Nenhum olhar

DESFEZ

nem existiu...

Somente a insignificância se

perpetua no leito de agonia

enquanto velo

teu eterno

sono.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Apresentações na praça

Em comemoração aos festejos natalinos, a prefeitura Municipal de Gov. Dix-sept Rosado inova neste ano.

Fiquei sabendo, através da Assessoria de Comunicação, que neste sábado, 19, haverá um evento, em praça pública, com apresentações de coreografias, jograis, teatro e músicas.

O evento será realizado com a participação dos grupos:
CORAL – ABIJCSUD DE MOSSORÓ
IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLÉIA DE DEUS
IGREJA CRISTÃ EVANGÉLICA
GRUPO DE ACOLHIDA – PARÓQUIA DE SÃO SEBASTIÃO
CIA DE TEATRO E DANÇA SÃO JOAQUIM.

Parabéns aos organizadores e idealizadores que planejaram este acontecimento. Necessitamos que eventos como estes sejam mais e mais expandido em nossa cidade. Somos carentes de atrações, entretenimentos, lazer. A pessoas de Gov. passa a semana inteira trabalhando e na maioria das vezes, chega o final de semana, não se encontra muita opção para desopilar um pouco e fugir da rotina. Bem acertada a idéia.

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Felicidades

Hoje é o níver da gatíssima dix-septiense, Natália Ernesto e como gosto deveras dessa menina, doce, meiga, inteligente e muito linda, desejo felicidades mil para ela. Desejo que ela realize todos os seus sonhos e que Deus a ilumine sempre.















Aproveito a deixa para mostrar a beleza feminina de nossa terrinha. Essa menina é gata.

Parabéns Natália, sabe, lembro muito da época da escola dominical, onde nos encontrávamos sempre e ali eu me sentia um pouco mãe de vocês.

Quanto tempo não conversamos não é????? Quanto tempo que não me sobra espaço para encher o seu saco e o de Carol, com minhas lições e conselhos intermináveis????? Affff, Como era que vocês me aguentavam hein????? (Risos).

Gente, essa garota bela da foto e aniversariante do dia é filha de Luiz Ernesto e Dona Rita, irmã de Ernesto Neto, Júnior e cunhada de Jackeline e cursa Publicidade na UERN. Felicidades...

Redação do vestibular - por Marina Oliveira

Como o vestibular da UERN está as portas e para comprovar a veracidade de minhas palavras a respeito do texto de marina, aproveito para copiar e colar uma grande contribuição para àqueles que irão sumeter-se ao certame neste fim de semana.
A dica sobre redação dada por Marina, estudante de Letras da UERN é por demais relevante e merece ser apreciada.
Deixo e apresento a vocês, a primeira produção de Marina Oliveira em seu blog: http://marinaolive.blogspot.com/
Ante ao computador, os jovens apresentam grande facilidade na criação de frases e parágrafos para a comunicação. Porém, na hora em que se deparam com um tema proposto de redação e a necessidade de utilizar um vocabulário adequado, e de defender um ponto de vista, unindo-se a pressão das provas de vestibulares, a prova de redação se torna um bicho-de-sete-cabeças.
A dificuldade e o bloqueio em organizar as idéias, e a insegurança de se expor através da escrita, se transforma em medo.

Não há tantos segredos, como imagina os estudantes, em se construir uma redação. A produção de um bom texto requer um conhecimento da língua, criatividade e capacidade de argumentar, assim exigindo uma boa carga de leitura.É a falta de leitura que torna o aluno inseguro. E é ela também que ajuda na construção do texto, na organização das idéias e principalmente na coerência.Observando redações de vestibulandos, a falta de lógica e o desconhecimento do assunto, são os principais problemas encontrados, assim como as idéias absurdas e os erros de ortografia e concordância.

Na maioria dos vestibulares são analisados nas provas de redação, alguns pontos como o domínio da norma culta da língua escrita, levando em consideração principalmente a pontuação, pois é algo que pode diferenciar no sentido do texto. Outro aspecto é a compreensão do tema proposto, lembrando que o texto deve ser escrito em prosa, ou seja, texto em forma de parágrafo.
Na redação não é necessário apenas expressar opiniões ou argumentos, mas também apresentar uma interpretação para a situação-problema. É preciso ainda utilizar um vocabulário adequado, e isso não significa dizer que se deve usar palavras rebuscadas só para impressionar a banca de correção. Sem contar, na organização da escrita, é indispensável uma letra legível, e um texto sem rasuras e borrões.
Dessa forma, complexa ou não, a prova de redação é indispensável para o acesso as Universidades, e não existe fórmulas ou receitas, mas certeza da necessidade de muita leitura.

Postado por Marina Oliveira

Novo Blog de Marina Oliveira

Hoje pela manhã recebi um comentário e fiquei muito feliz. Ora, sempre que nós blogueiros recebemos comentários ficamos felizes, (risos). Portanto, essa ênfase seria desnecessária, não fosse o comento merecer uma atenção maior.

Essa linda morena abaixo, chama-se Marina Oliveira, não a conheço e nem ela a mim, todavia, já temos algo em comum, somos blogueiras. Fico imensamente feliz quando vejo uma mulher adentrar neste ramo, e ai aproveito para instigar outras a fazerem o mesmo. Vejam o comento de Marina:


Marina Oliveira disse...
Oi..Tudo bem?Sou de Mossoró, mais minha família é toda de Governador, lendo outros blogs (há algum tempo )encontrei esse aqui..e passei a ser leitora assídua deste espaço..e ele muito me agrada..e já faz parte da minha leitura diária. Depois de passar a ler esse e tantos outros blogs..resolvi criar o meu..não escrevo tão bem quanto você e muitos outros, mais ficarei muito feliz se puder dá uma passadinha lá..qndo tiver um tempinho.Obrigada!http://marinaolive.blogspot.com;*
14 de dezembro de 2009 23:49

Bem pessoal fiz o que ela me pediu, dei uma passadinha por lá e gostei deveras do que li. Marina começou a postar ontem, e em dois posts, mostrou domínio na escrita e uma sensibilidade necessária para quem quer prender a atenção do leitor.

Agradeço Marina suas palavras elogiosas em relação aos meus textos, sinto-me honrada em tê-la como leitora assídua e por ter contibuído de alguma forma, como fonte inspiradora para sua decisão em criar o seu blog. Cumpre ressaltar, que apesar de ainda ser inexperiente neste ramo, uma vez que meu blog ainda é bem novinho, posso exprimir e publicar como leitora, fazendo assim um juízo de valor, que tenho convicção de que aqueles que se dedicam a leitura de blogs diariamente, inserirá o seu também, em sua lista favorita.

Não tenho dúvida que ele fará parte dos que leio comumente. Não quero ser melosa, nem piegas, nem muito menos bajuladora, até porque não preciso disso, mas seu primeiro texto merece ser lido e relido. Parabéns...

Ah, manda mais notícias suas, sobre quem é sua família e venha a nossa terrinha conhecer suas origens. Está ai o convite querendo vir as portas estão abertas, inclusive de minha casa.

Inseri o link do blog de Marina do lado direito do Layout, nos meus blogs preferidos, vão lá, vejam e constatem por si mesmos o que estou falando.

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

MAIS JUSTIFICATIVAS - Assim eu vejo a vida...

Passei o dia inteiro desejando fazer um post, tenho muitas coisas pra dizer, já idealizei inúmeros textos, desejo ardentmente atualizar o Ad Finem, todavia, tudo o que eu tenho e pretendo dizer, não me foi ainda possível. O tempo está cada vez mais escasso, as ocupações aumentam, as responsabilidades se multiplicam e é exatamente nessas horas que me questiono, onde pararemos, onde chegaremos com esta vida moderna e exigente. O pior de tudo... não podemos parar.

Bem, mas depois de um dia infinitamente atarefado, venho justificar-me com os amigos Jonhatan Halisson e José Emídio, Coordenador e Secretário de Juventude, respectivamente, pela ausência de publicação do 1º Encontro de Juventude, que ocorrerá neste sábado - 19, em nosso município.

Poderia está fazendo o post ao invés de me justificar, todavia, devida a relevância e importãncia histórica do evento, quero dedicar-me de forma especial ao assunto. Assim, reitero minhas desculpas, prometendo que aludido post, não passará de amanhã. Hoje, era humanamente impossível acrescer mais uma atividade, por pequena que fosse, em minha rotina. Acordei-me mais cedo do que comumente faço, submeti-me a uma prova de Direito eleitoral pela manhã, trabalhei o dia inteiro e ainda tive que submeter-me a outra prova nesta noite, de Processo Penal, que não fora a compreensão do "Prof.", como ele mesmo se denomina, Armando Lúcio, não a teria conseguido realizar a prova, dado meu ultra, mega atraso de 40 minutos. O pior... não finda por ai não viu... (risos), amanhã, pela manhã, tenho outra prova e ainda tenho que estudar para a concretização da mesma.

Por isso, só agradeço a Deus pela força que tem me dado, pela coragem concedida, para ultrapassar as barreiras e os óbices que se levantam e por fim agradeço a vocês pelos acessos diários e permanentes ao ad finem, vocês são DEZ, não, vocês são MIL...

Agradeço a todos que me interpelam para solicitar atualizações e reclamar minha ausência. Sinto-me deveras honrada, em saber que vocês sentem falta de meus textos. Estou finalizando a etapa de avaliações na faculdade, entrarei em recesso e terei mais tempo para dedicar-me melhor a este espaço e procurar atender as expectativas de vocês, webleitores. Ah, uma novidade, tudo indica que ainda este ano, estaremos com novo endereço, novo domínio, novo layout. Tudo está sendo bem estudado.

Nos meus agradecimentos, quero fazer referência ao amigo Itamir, que hoje, conversando comigo, falou de sua compreensão sobre minha ausência neste espaço, disse entender minhas ocupações, entretanto, asseverou também, a importância do ad finem e da necessidade de atualizações diárias. Itamir, obrigada.

Para não ficar apenas em minhas palavras, talvez até desconexas pela rapidez com que escrevo e preocupação com o que ainda tenho pra fazer, deixo uma pérola poética de Cora Coralina:

Assim eu vejo a vida

A vida tem duas faces:
Positiva e negativa
O passado foi duro
mas deixou o seu legado
Saber viver é a grande sabedoria
Que eu possa dignificar
Minha condição de mulher,
Aceitar suas limitações
E me fazer pedra de segurançados valores que vão desmoronando.
Nasci em tempos rudes
Aceitei contradições
lutas e pedras
como lições de vida
e delas me sirvo
Aprendi a viver.

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Colação de Grau da Melquíades Lopes

Nesta noite se encerra as atividades alusivas à Colação de Grau dos alunos da Escola Municipal Melquíades Lopes da Costa. Durante dias, a Diretora Abilene Freire, juntamente com o pessoal da Secretaria Municipal de Educação e professores se organizaram para realização deste evento. Na quarta-feira, aconteceu a aula da saudade, ministrada pelas madrinhas das turmas Valquíria Silva e Wildivânia Paula. Ontem à noite foi a vez do culto em ação de graças, pela vitória alcançada pelas crianças, familiares e escola. Hoje será a vez da Solenidade de Conferição de Grau dos alunos, que realizar-se-á na Quadra Vicente Carlos de Menezes, a partir das 19:00h.

Cerca de cem alunos receberão os seus diplomas de conclusão, da primeira etapa escolar de suas vidas, e, sem sombra de dúvida a mais importante de todas, considerando ser esta a base de tudo que virá a posteriori. O Patrono das turmas, o Secretário Municipal, Diassis Araújo, se fará presente na solenidade e falará de sua satisfação frente a realização desta. Também marcará presença no evento, a Prefeita Lanice Ferreira de Macedo, que prestigiará os formandos, seus familiares e os funcionários da aludida escola.

Parabenizo a todos os que fazem a Escola Municipal Melquíades Lopes da Costa, principalmente a minha amigona do peito, a Diretora Abilene Freire, que tem desempenhado um brilhante papel à frente da referida escola; a Supervisora Tereza Aquino, pessoa a quem estimo e admiro muito, pela sua competência, dedicação e organização. Já acompanhei durante anos o trabalho de Tereza, e, desconheço pessoa mais sistemática, organizada e dedicada no que faz. Parabenizo ainda, os professores alfabetizadores, Misma Alves, Jaclene Ana, Maria Dalva, Maria da Saúde e Lúcia Silva.

Aproveito o ensejo para desculpar-me pela minha não participação no evento. Não poderemos (nem eu e nem Júnior Afonso) atender ao convite da escola, uma vez que hoje também acontecerá a confraternização dos que compõem a Procuradoria Geral do Município de Mossoró. Assim, desejo que tudo seja concretizado com máximo de sucesso possível.

A todos da escola um abraço e muito festa pra vocês.

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

À VOCÊ MULHER...

Tem um autor brasileiro, famosíssimo, diga-se e passagem, que por diversas razões, tais como filosóficas e religiosas não gosto nem um pouco dele. Pode parecer arrogante, prepotente ou até preconceituoso, mas é o que penso, o que sinto. Na realidade nunca li uma obra completa de Paulo Coelho, só dei alguns relances, em algumas de suas obras, e não tenho intenção de lê-las.

A despeito das afirmações, recebi hoje de minha querida amiga e companheira de curso na UERN, Karina, um texto magnífico do supracitado autor e sinceramente, não resisti a tentação de socializar com vocês. Ah, apesar do título, os homens também podem ler...

Concordo com grande parte do que o autor afirma: Eis o texto, um pouco extenso, mas digno de ser lido:

À VOCÊ MULHER...

"Não importa o quanto pesa. É fascinante tocar, abraçar e acariciar o
corpo de uma mulher. Saber seu peso não nos proporciona nenhuma
emoção. Não temos a menor idéia de qual seja seu manequim. Nossa
avaliação é visual, isso quer dizer, se tem forma de guitarra.... está
bem. Não nos importa quanto medem em centímetros - é uma questão de
proporções, não de medidas.

As proporções ideais do corpo de uma mulher são: curvilíneas,
cheinhas, femininas. Essa classe de corpo que, sem dúvida, se nota
numa fração de segundo. As magrinhas que desfilam nas passarelas,
seguem a tendência desenhada por estilistas que, diga-se de passagem,
são todos gays e odeiam as mulheres e com elas competem.

Suas modas são retas e sem formas e agridem o corpo que eles odeiam
porque não podem tê-los·

Não há beleza mais irresistível na mulher do que a feminilidade e a
doçura.. A elegância e o bom trato, são equivalentes a mil viagras.·

A maquiagem foi inventada para que as mulheres a usem. Usem! Para
andar de cara lavada, basta a nossa. Os cabelos, quanto mais tratados,
melhor. As saias foram inventadas para mostrar suas magníficas
pernas...

Porque razão as cobrem com calças longas? Para que as confundam
conosco? Uma onda é uma onda, as cadeiras são cadeiras e pronto.

Se a natureza lhes deu estas formas curvilíneas, foi por alguma razão
e eu reitero: nós gostamos assim.

Ocultar essas formas, é como ter o melhor sofá embalado no sótão.

É essa a lei da natureza... que todo aquele que se casa com uma modelo
magra, anoréxica, bulêmica e nervosa logo procura uma amante cheinha,
simpática, tranquila e cheia de saúde.·

Entendam de uma vez! Tratem de agradar a nós e não a vocês. porque,
nunca terão uma referência objetiva, do quanto são lindas, dita por
uma mulher.

Nenhuma mulher vai reconhecer jamais, diante de um homem, com
sinceridade, que outra mulher é linda.

As jovens são lindas... mas as de 40 para cima, são verdadeiros pratos
fortes. Por tantas delas somos capazes de atravessar o atlântico a
nado. O corpo muda... cresce. Não podem pensar, sem ficarem psicóticas
que podem entrar no mesmo vestido que usavam aos 18. Entretanto uma
mulher de 45, na qual entre na roupa que usou aos 18 anos, ou tem
problemas de desenvolvimento ou está se auto-destruindo.

Nós gostamos das mulheres que sabem conduzir sua vida com equilíbrio e
sabem controlar sua natural tendência a culpas. Ou seja, aquela que
quando tem que comer, come com vontade (a dieta virá em setembro, não
antes; quando tem que fazer dieta, faz dieta com vontade (sem
sabotagem e sem sofrer); quando tem que ter intimidade com o parceiro,
tem com vontade; quando tem que comprar algo que goste, compra; quando
tem que economizar, economiza.

Algumas linhas no rosto, algumas cicatrizes no ventre, algumas marcas
de estrias não lhes tira a beleza. São feridas de guerra, testemunhas
de que fizeram algo em suas vidas, não tiveram anos 'em formol' nem em
spa... viveram!

O corpo da mulher é a prova de que Deus existe. É o sagrado recinto da
gestação de todos os homens, onde foram alimentados, ninados e nós,
sem querer, as enchemos de estrias, de cesárias e demais coisas que
tiveram que acontecer para estarmos vivos.

Cuidem-no! Cuidem-se! Amem-se!

A beleza é tudo isto.

Autor: Paulo Coelho


Estou de volta, desculpando-me e justificando-me pela ausência

Nem acredito que estou de volta!!!!!! Tenho tanto a dizer, a me desculpar e me justificar pela ausência, que estou receosa de me tornar prolixa e enfadonha pra vocês que se fizeram presentes aqui diariamente, mesmo sem atualizações.
Bem, mas acho que por respeito aos meus webleitores, tenho que aqui explanar alguns fatos, já que este webespaço se tornou uma opção de leitura diária e rotineira para muitos amigos.

Fazem exatamente oito dias que não posto nada no ad finem. Confesso que nestes dias que passaram, a maioria deles nem visitei o meu blog e nem outro qualquer. Passei por algumas situações que me impossibilitaram de aqui está e outras que me fizeram desinteressar mesmo.

Pormenorizando os detalhes que me roubaram o prazer de registrar minha presença neste espaço:

*Semana passada, além de minhas rotinas diárias, tive participando das atividades alusivas a Colação de Grau da Escola Professor João Carlos de Oliveira, na qual fui madrinha dos formandos. Na quinta-feira, foi a aula da saudade, onde ministrei uma aula para alunos do 1º e 5º ano, tendo sido isso um grande defasio para mim, pois conseguir encontrar atividades que envolvessem e interessassem idades tão diversificadas é algo um pouco complexo. Entretanto, foi maravilhoso, uma experiência ímpar, mas uma que se soma a minha vida. Na sexta-feira, participei da celebração de ação de graças, na qual Maria das Graças trouxe uma palavra sábia e bem direcionada aos pupilos formandos.


No sábado a noite foi a vez da solenidade de conferição do grau dos alunos, ondes eles receberam os diplomas e dançaram a valsa, assisitidos pelos pais boquiabertos e babando.

Na oportunidade, meu sobrinho João Vítor concluiu o 1º aninho e deu um showzinho para não usar a beca, pois 'aquilo' era um vestido e homem não veste esse tipo de roupa. Mas com um "jeitim" conseguimos convencê-lo e ele ficou bem a vontade durante a festa. Assim, nestes três dias, desculpem-me, mas as atividades roubaram o pouco de tempo que furto, para me dedicar o ad finem.

No domingo pela manhã passei por um problema de saúde, tive uma queda de pressão bem considerável e dela ainda não me recuperei. Me internei e fui sedada por 24 horas. Ainda estou meio que sem entender muito bem o que aconteceu.

Junto a essa queda de pressão, veio um desânimo, uma falta de coragem, uma indisposição pra tudo, iinclusive para o ad finem. Em alguns dias estava convicta de que pararia de escrever, por vezes tive vontade de fazer um post, anunciando da minha desistência, todavia, a visita diária de vocês e a cobrança de muita gente na rua, por inovações e atualizações fizeram-me esquecer deste propósito de desistir.

Acredito que todos passamos por momentos de nostalgia e desencanto, mas estou aqui; estou de volta, ainda um pouco sem energia e debilitada pelo meu problema de saúde, mas prometo voltar a atualizar diariamente o ad finem.

Agradeço de coração à todas as cobranças, isso me demonstrou que o ad finem é importante não só para mim, como para todos vocês que por aqui sempre passam. Agradeço ao amigo Zé Emídio, pelo comentário deixado:

sei de suas ocupações, mas este blog é uma importantre fonte de leitura. Portanto, sua atualização é importante para um bom número de leitores deste espaço. um abraço. Saúde e paz...

Zé Emídio.

Fico deveras feliz com suas palavras amigo, elas são de suma importância, pode ter certeza.

Enfim, sorry, mais uma vez...


quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

PARABÉNS

Hoje é dia de festa para Hugo Carlos, dix-septiense e militante do PMDB em nossa terrinha. Hugo é advogado e atua na área administrativa, sendo atualmente Assessor Jurídico da Prefeitura Municipal de Gov. Dix-sept Rosado.

Além da advocacia Hugo também se dedica a criação de poemas, ele, como todos que sabem reconhecer o que é bom, aprecia muito o gênero, inclusive, foi um dos autores do hino oficial de nosso município.

O Ad Finem não poderia deixar de registrar esse momento, pois para nós, Hugo foi e é mais que um amigo. Nos momentos difíceis em que comumente, alguns se afastam, Hugo, ao lado de Zé Soares, Zé Emídio, Júnior de Aurivete, dentre outros, passou dias e dias em minha calçada, conversando e dando apoio a Júnior Afonso, aliás, a nossa família.

Eita, lembrei agora que nunca mais fizeram isso. Ei, pode não viu. Estão nos devendo uma visita. Quero vê-los novamente em nossa calçada, prometo que faço aquele famoso suquinho, (risos).

Deixemos de lado as brincadeiras. Parabéns Hugo, sou conhecedora de sua luta e desejo pra você e sua família tudo de bom. Que esta data se repita por muitos e muito sanos e que Deus continue lhe abençoando.

OBA

Recebi do amigo Itamir Vieira, Assessor de Comunicação da Prefeitura Municipal de Gov. Dix-sept Rosado, mais uma notícia de nossa terrinha natal. Aproveitando a oportunidade, amigo Itamir, estava sentindo falta de algo, quando abria minha caixa de email. Não se faz necessário que lhe diga o que é??? Faz???? (Risos). Suas notícias diárias, que já não vêm com a mesma frequência. Ei, Itamir, mas antes que nosso amigo Kildare reclame porque faço cobranças secas e diretas, para todos vêem, quero dizer, é apenas uma brincadeirinha viu????? (Risos).

Bem, publico tal e qual o email de itamir, que trata da Olímpiada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas, destacando a participação da Escola Municipal Isaura Rosado, que hoje é admistrada pela amiga Zélia Sales. Faço uso da ocasião, aproveitando o ensejo, para saudar e parabenizar Zélia, pela grande profissional que é. Zélia é uma das professoras mais dedicada e carinhosa com seus alunos, que eu conheço. Continue sempre assim.

Eis o texto:
Alunos da rede municipal de ensino receberão certificado de participação e medalhas de congratulação da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica.

Este ano mais de 80 alunos da Escola Municipal Isaura Rosado participaram da XII OLIMPIADA BRASILEIRA DE ASTRONOMIA E ASTRONÁUTICA (OBA) que teve prova realizada no último dia 15 de maio deste ano. Um total de 41 alunos receberão medalha de congratulação por terem atingido boa pontuação no concurso.

A solenidade de entrega dos certificados e medalhas acontecerá amanhã às 15h na Igreja Cristã Evangélica com participação de toda comunidade escolar.

Segunda Zélia Sales, diretora do estabelecimento, esta foi a 6ª participação da Escola Isaura Rosado na OBA e é uma ótima oportunidade de inserção da escola em eventos nacionais.

Mais informações sobre a OBA:

http://www.oba.org.br

Atriz é encontrada morta em seu apartamento

Na madrugada desta quinta-feira, a atriz Leila Lopes foi encontrada morta por uma amiga, em seu apartamento no Morumbi, Zona Sul de São Paulo. Segundo informações a atriz foi encontrada depois que seu marido solicitou a uma amiga que fosse ao seu apartamento de leila, pois ela não atendia suas ligações.

A amiga dirigiu-se ao apartamento e não conseguiu êxito em obter resposta da atriz. Assim, com a autorização do marido, ela chamou um chaveiro e abriu a porta dando de cara com o seu corpo.

As notícias veiculadas nos meios de comunicação dão conta de que Leila deixou 07 cartas para sua família, e, que em uma destas ela afirma que tomaria veneno para se matar.

De acordo com o boletim de ocorrência a polícia encontrou em seu quarto embalagens de remédios usados e ainda um prato com que continha restos de comida misturados a um veneno de rato, conhecido como "chumbinho". Também conforme a polícia, a amiga da atriz, que teria ido a sua casa, a pedido do esposo (de Leila), dissera que ele afirmara está preocupado com Leila, pois ela estava problemas de saúde.

Algumas amigas de Leila afirmam não acreditar em suicídio, todavia a hipótese não está descartada, pelo contrário, o caso foi registrado no 89º Distrito Policial, no Morumbi, e está sendo investigado como tal.

É lamentável, mas estas acontecem. Não temos nada a fazer além de sentirmos e lamentarmos o fato. Tecer comentos sobre isso, acho impossível e desnecessáro...

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Comento relevante

Ontem postei aqui, o caso de um policial, que devido a uma brincadeira com colegas em uma delegacia de São Paulo, perdeu seu emprego e agora é talvez, o mais famoso soldado militar do Brasil.

Em relação ao exposto, recebi um comentário do também policial militar, João Viana, expressando seu ponto de vista a respeito do assunto. Achei relevante postar seu comento aqui na página principal João, e dizer-lhe que coaduno com todas as suas palavras. Entendo que esse é apenas o retrato de um país ainda subdesenvolvido, que comumente tenta demonstrar algum controle ético, moral, mas que jamais conseguiu, dado os privilégios e vantagens de alguns em detrimento de outrem.

Entendo sua revolta e desabafo em relação a falta de valorização porque passa a sua categoria profissional, também comungo com este mesmo sentimento, uma vez que a minha também sofre a mesma desvalorização.

Desejo de coração que a PEC 41 - Proposta de Emenda Constitucional - seja aprovada e que vocês policiais, possam gozar o mínimo de reconhecimento possível.
Deixo agora o comentário de João Viana:

João Viana disse...

Concordo com você, enquanto muitos passam horas em frente a tv ou pc vendo o video de um policial, diga-se, em um momento de descontração, ficam de olhos fechados e não enxergam a corrupção que assola os estados. Citamos por exemplo o Governador de DF e de muitos outros políticos safados e sem a menor condição de assumir um cargo público seja ele qual for. Esse policial perdeu além de seu emprego sua dignidade. Sabe quanto ele ganhava para vestir esssa farda que parece mais importante que tudo? Menos de 1.000,00. Vejam pesquisa da revista exame e um dossiê divulgado pelas revistas que terão uma idéia do descaso.
Está em votação no senado a PEC 41 e n câmara a PEC 300, na qual tou totalmente engajado e defendendo. Somos seres humanos, cidadãos brasileiros,temos direitos e deveres. Se a lei é pra todos, (eu não concordo)pq só se veem o que os policias fazem de errado, como se não tivessem o direito de errar? PQ o comandante da policia militar do estado do rio grande do norte não foi excluido? ele dançou a dança da perikita e também ta na net.(youtube)e até foi apresentado no fantástico, na tv globo.
Portanto antes de criticar vamos olhar pra trás, pois deixamos muita coisa lá atrás que precisa ser vista.

PEC 300/2008, por uma vida digna para o Policial e sua família. Eu luto por ela.

João Viana disse...

http://www.youtube.com/watch?v=OHvjQO8URIA

Esse é o link da dança do CMt Geral da PMRN

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

30 mil, 30 mil visitas

Ultrapassamos as 30.000 mil visitas... 30 mil acessos... Eita meu Deus, isso é bom demais. Perdoem-me a euforia, mas ela se faz necessária nesse momento. Pode parecer bobagem pra alguns, mas vocês não tem noção do quanto isso é relevante para mim. Não posso mensurar a importância que este espaço tem alcançado em minha vida.

E agora gente, faltando 8 dias para o Ad Finem completar seus 10 meses de existência, vocês me presenteiam dessa maneira. Isso é gratificante mesmo. No dia que me coloquei, em frente ao computador, para criar o Ad Finem, nem tinha pensado que seria naquele exato momento, que ele surgiria. Já tinha intenção, já havia escolhido o provável nome, que foi o que realmente optei, mas não sabia que decolaria naquela hora, naquele instante. Mas conversando com a amiga Lelena, com algumas orientações que ela me repassou e seu incentivo, concretizei o meu sonho.
Foi algo tão despretensioso que jamais, jamais mesmo, cheguei a pensar, conjecturar ao menos que vocês me aceitariam da forma que estão me aceitando. Que vocês encontrariam motivos de aqui está com uma certa frequência, me proporcionando esse momento tão mágico e tão feliz.
Considerando o que foi exposto, gostaria de transmitir, de registrar nesse momento, através das palavras, o que sinto, o que significa está aqui no ad finem escrevendo, marcando minha presença, meus pensamentos, minhas concepções, meu modo de ver o mundo, a vida, as pessoas e sabendo que vocês me acompanham nessa trajetória, mas sem querer ser piegas, não consigo, não tem como eu ser fidedigna naquilo que gostaria de repassar pra vocês. As palavras não dão conta da emoção que sentimos.

As emoções certamente, superam e muito as palavras. Há muito a dizer, há muito a agradecer, todavia, demonstrar com a lealdade e transparência nossa emoção e sentimento, isso é impossível.

Assim, considerando minhas limitações no manejo com as palavras, resumo a dizer simplesmente, obrigada, muito obrigada, a cada um que por aqui já passou e que ainda vai passar. Quero dizer ainda, que conto com vocês para que possamos alcançar outros números mais significativos de visitas, até porque, essa (a presença de vocês) é a única razão para eu persisitir na escrita dessas singelas linhas, mesmo sem tempo, aqui registradas diariamente.
Sem vocês, não haveria Ad Finem para mim...
Um grande abraço a todos...

Soldado dança e causa polêmica

Tomei conhecimento, agora a pouco, de um vídeo que aparentemente foi gravado em uma delegacia de policía em São Paulo. Segundo o que ouvi, (não sei até que ponto as informações são verdadeiras, realizei algumas pesquisas, inclusive no google, mas dado meu escasso tempo, não consegui êxito da forma que queria) o policial abaixo, que dança e rebola no vídeo foi demitido pela brincadeira que realizava, com certeza com alguns colegas.

Analisando a situação de insegurança e o grande caos provocado pela violência em nosso país, é possível que recriminemos por completo a ação do policial, pois ele poderia está trabalhando ao invés de está dançando. Todavia, não posso deixar de me indignar com tal fato. Não que eu esteja aquiescendo com a atitude do policial, isso não, entretanto, não posso deixar de registrar minha indignação, com o falso moralismo que permeia nosso Brasil. Uns pagam, em detrimento de outros.

Ora, se analisarmos quantos soldados e policiais em geral já massacraram, torturaram e mataram pessoas inocentes. Infelizmente, esses casos, em sua grande maioria, nem encontra o espaço necessário, para repercurtir da forma que deveria em nossa mídia. Já este caso em específico, que com certeza não passa de uma brincadeira entre colegas em seu ambiente de trabalho, consegue causar espanto e burburim em todos os meios de comunicação possíveis. Em que mundo estamos?! Que uma brincadeira repercute dessa forma e outras formas de violência são banalisadas??? É certo, que é uma brincadeira de mal gosto e numa hora por demais inconveniente, mas não deixa de ser uma brincadeira.

Não que a conduta do policial deva ser aceita, no entanto, o que não concordo, ratifico, é o falso moralismo das pessoas, que como diz o ditado popular "engole um elefante e se engasga com um mosquito". Oh paisinho esse nosso... enquanto muitos cometem verdadeiros crimes, roubam, matam, usurpam o direito do outro e não perdem seu emprego, outros, por algo irrelevante, se compararmos com o que já citamos, leva a esse radicalismo. Digo se é que isso ocorreu mesmo (não consegui confirmar a veracidade dessa afirmação).

Bem, mas os que desejam ver a imagem do soldado mostrando sua performance na dança, acessem o link: http://www.youtube.com/watch?v=WO5E5cu_xaQ. Eu até recomendo que vejam, chega a ser mesmo engraçado (risos).

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Dia Mundial de Luta Contra a AIDS. Viver com AIDS é possível. Com o preconceito não.

Publico ipssis literis, email enviado pelo Assessor de Comunicação, Itamir Vieira. Agradeço ao amigo e ressalto que estava sentindo falta de seus email e informações, (risos); obrigada amigo é sempore um prazer tê-lo sempre por aqui. Eis o email que trata da caminhada de combate a aids, que ocorrerá amanhã:

Nesta terça-feira, 01 de dezembro, Dia Mundial de Luta Contra a AIDS a Secretaria Municipal de Saúde realizará uma caminhada pelas ruas da cidade com faixas e cartazes alertando a população sobre a AIDS.

A ação faz parte de um conjunto de eventos que acontecerão em várias cidades do Brasil e diversos países do mundo. Durante a semana que antecedeu este dia, foram realizadas diversas palestras em várias escolas da cidade alertando os jovens sobre o risco de contágio da AIDS e outras doenças sexualmente transmissíveis.

Para o Secretário de Saúde Reginaldo Claudino um evento como esse é importante pois serve de alerta para os jovens que muitas vezes se encontram em situações de risco e de vulnerabilidade. “Embora o município não tenha um alto índice de contágio estamos trabalhando de forma preventiva, para evitar que futuramente tenhamos problemas com a AIDS” frisou o Secretário.

Além de informações sobre os ricos de contágio o evento deste ano pretende, sobretudo mostrar a população que a pessoa que contrai o vírus pode sim, ter uma vida normal embora o preconceito e a discriminação ainda sejam muito fortes na sociedade brasileira.

O slogan “Viver com Aids é possível. Com o preconceito não” é uma resposta às pesquisas. Quem vive com HIV/Aids pode trabalhar, estudar, praticar esportes, namorar, fazer sexo com camisinha, como todo mundo. É preciso respeitar a rotina médica de tratamento, mas o mais difícil de viver com HIV/Aids é ter que conviver com o preconceito.

A caminhada sairá às 7h30min do cruzamento das ruas Maurílio Sales Dias e Santa Catarina, percorrerá algumas ruas da cidade e terá a concentração final da Praça Severino Ramos Vieira onde haverá mensagens de alerta a população e uma apresentação musical com o músico dix-septiense Sebastião Junior.

PREFEITURA DE

GOVERNADOR DIX-SEPT ROSADO

CONTRUINDO CIDADANIA

Minha vida sem mim em um dia perfeito

Gostaria de indicar duas pérolas do cinema internacional que mexe com qualquer ser humano, que tenha o mínimo de sensibilidade. "Minha vida sem mim", um belíssimo filme, que assisti já há alguns dias e, ainda não havia postado sobre, pois refletia a respeito do meu posicionamento em relação a história narrada.

Sinceramente, não sei se tenho condições de fazer algum juízo de valor. A história retrata a vida de Ann (Sarah Polley), uma jovem de 23 anos, mãe de duas filhas, que tivera em sua fase de adolescência, casada com o jovem e apaixonado, porém imaturo, Don (Scott Speedman).

A mãe de Ann é uma pessoa amarga e desestimulada com a vida e o pai vive preso há dez anos. Ann tem tudo para viver uma vida de lamentos e murmurações, todavia, leva sua vida de forma tranquila, trabalhando de faxineira em Universdade e cuidando das filhas e do esposo.

Tudo corre razoavelmente bem, até um dia que ela faz uma descoberta importante em sua vida. Esse novo fato que surge muda por completo sua forma de vero mundo, as coisas e as pessoas. Muda todos os seus conceitos, suas convicções e maneira de viver a sua vida.

Deixo aos webleitores a oportunidade de conferir e ver se é possível a qualquer um, fazer algum juízo ou julgamento, das atitudes da garota. Se é possível analisarmos do ponto de vista filosófico, religioso, ético ou até mesmo humano. Se é possível desenvolver alguma empatia e nos colocar um pouco em seu lugar. É um desafio, vale a pena tentar...

Outro filme que vale a pena ser visto é um "Um dia Perfeito". Retrata a vida de um homem, Robert Harlan, que é despedido do emprego, onde trabalhava há 15 anos, quando esperava uma promoção, e, mesmo em meio ao desespero consegue através do estímulo de sua esposa, dar a volta por cima e alcançar algo que nunca pensou conseguir.

Acontece, que o sucesso alcançado, também como no filme acima aludido, mudou por completo a vida de Robert e é ai, onde um misterioso homem surge do nada para ajudá-lo. Uma emocionante e envolvente história que nos leva a refletir sobre nós e nossas vidas.
Vale a pena...
Eu recomendo...

Para completar o post, deixo a música "Um dia Perfeito"de Legião Urbana, que também nos serve de reflexão:
UM DIA PERFEITO

Quase morri
Há menos de vinte e duas horas atrás
Hoje a gente fica na varanda
Um dia perfeito com as crianças.

São as pequenas coisas que valem mais
É tão bom estarmos juntos
Tão simples: um dia perfeito

Corre corre corre
Que vai chover
Olha a chuva!

Não vou me deixar embrutecer
Eu acredito nos meus ideais
Podem até maltratar meu coração
Que meu espírito ninguém vai conseguir quebrar


sábado, 28 de novembro de 2009

Vida indefinida

Sabe, as vezes penso que não sou normal, viajo tanto com algumas situações da vida, que chego a me espantar.

Ora, por que o ser humano tem uma necessidade tão absurda, que nunca satisfaz???
Por que estamos sempre em busca de algo e quando alcançamos o que desejamos já existe outro desejo, outra ansiedade???
Por ventura somos fadados a nunca alcançar a felicidade?
O que é felicidade???
Poderíamos definir esse sentimento, tão almejado e buscado, que circunda a raça humana???
Não é fácil explicar, nem tão pouco responder esses questionamentos, todavia, pensando bem, sabe que isso é necessário.

Não fora essa necessidade, que nos impulssiona em busca de algo, qual seria nosso objetivo de vida??? Já parou pra pensar nisso?? Se queremos algo incontrolavelmente e conseguimos, se não surgir outro desejo, outra necessidade, outra ambição (no sentido bom da plavra, se é que isso é possível), o que faríamos????

A realidade gente, é que precisamos sentir esse vazio, essa vontade de buscar algo, de encontrar o novo. Entretanto, é preciso que busquemos o controle dessa necessidade, que ela seja moderada, que haja limites, que saibamos como lidar com esse sentimento, caso contrário, viveremos numa eterna amargura e desencanto com a vida.

Necessário se faz, que aproveitemos o que está a nossa disposição para nos sentir bem, fazer valer a vida. Que valorizemos mais as pessoas, a natureza, o convívio social, os familiares, nosso trabalho, nossos estudos, enfim, todos os momentos que a vida nos proporciona. Mesmo com o desejo e a busca de algo, ainda inalcansável, se assim o fizermos, viveremos melhor e com certeza mais feliz, pois estaremos aproveitando o que temos ao nosso alcance e encontrando força para viver e sonhar, através dos nossos desejos e anseios que não foram alcançados.

Essa é a vida...
É o que eu penso...
Se sou louca, não sei, e daí...

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

A partir do próximo amanhecer

Depois de um dia exaustivo como foi o de ontem, e, de chegar hoje cedo no Educandário e encontrar inúmeras abacaxis pra resolver, nada mais oportuno de se ler, do que a mensagem enviada via email, por minha amiga Nenén.

Nenén, como é carinhosamente conhecida, é professora de Matemática do Educandário e sempre está nos presenteando com lindas mensagens. Agradeço-lhe amiga por isso.

Sinceramente, há dias que uma mensagem não me tocava tão profundamente. Que não me fazia refletir tanto sobre a vida, sobre meus conceitos, sobre mim. Não me envergonho de dizer que fui sensibilizada de tal forma, lendo a referida mensagem, ao som da música "Imagine" de John Lenon, que lágrimas desceram dos meus olhos. Assim, não resisti a tentação de dividi-la com todos vocês. Espero que ela sirva de reflexão, aprendizado e que desperte a mesma sensação que despertou em mim.

Eis a mensgem:

Hoje “me dei um tempo” para pensar na vida.
Na minha vida!!!
Decidi então que a partir do próximo amanhecer, vou mudar alguns detalhes para ser a cada novo dia, um pouquinho mais feliz.


Para começar, não vou mais olhar para trás.
O que passou é passado, se errei, agora não vou conseguir corrigir.
Então, para que remoer o que passou?
Refletir sobre aqueles erros sim

e então fazer deles um aprendizado para o “meu hoje”...
Nem todas as pessoas que amo,

retribuem meus carinhos como “eu” gostaria... E daí?

A partir do próximo amanhecer vou continuar a amá-las,
mas não vou tentar mudá-las.
Pode ser até que ficassem como eu gostaria que fossem,
e deixassem de ser as pessoas que eu amo.
Isso eu não quero.
Mudo eu...
Mudo meu modo de vê-las.
Respeito seu modo de ser.


Mas não pense que vou desistir de meus sonhos!!!
Imagine!!!


A partir do próximo amanhecer,

vou lutar com mais garra para que eles aconteçam.
Mas vai ser diferente.
Não vou mais responsabilizar a mais ninguém por minha felicidade.
EU VOU SER FELIZ!!!


Não vou mais parar a minha vida porque o que desejo não acontece,
porque uma mensagem não chega, porque não ouço
o que gostaria de ouvir.
Vou fazer meu momento...
Vou ser feliz agora...


Terei outros dias pela frente!!!
Nunca mais darei muita importância aos problemas,

que não tenho conseguido resolver.
A partir do próximo amanhecer,

vou agradecer a Deus,
todos os dias por me dar forças para viver,
apesar dos meus problemas.

Chega de sofrer pelo que não consigo ter,
pelo que não ouço ou não leio.
Pelo tempo que não tenho e até de sofrer por antecipação,

pensando sempre, apenas no pior.


A partir do próximo amanhecer,
só vou pensar no que tenho de bom.
Meus amigos,

nunca mais precisarão me dar um ombro para chorar.
Vou aproveitar a presença deles para sorrir,
cantar, para dividir felicidade.
A partir do próximo amanhecer vou ser eu mesmo.
Nunca mais vou tentar ser um modelo de perfeição.


Nunca mais vou sorrir sem vontade

ou falar palavras amorosas
por que acho que sei o que os outros querem ouvir.

A partir do próximo amanhecer vou viver minha vida...
SEM MEDO DE SER FELIZ.
Vou continuar esperando.
Não, não vou esquecer ninguém.
Mas...


A partir do próximo amanhecer,
quando a gente se encontrar,com certeza,
vou te dar “aquele” abraço bem apertado, e com toda
sinceridade dizer...


ADORO VOCÊ e tenho muito amor para lhe dar
.